segunda-feira, 31 de outubro de 2011

Escutando a natureza, ouvindo o Deus interno

Hoje o dia amanheceu regado pela chuva forte que caiu na madrugada de sábado para domingo.
Um pouco de sol, um pouco de vento, um pouco de frio.
Uma mistura de aromas da natureza se abrindo em flor.
Nestes dias, parece que o tempo não anda , todos se recolhem com medo da chuva que nem sabem se vai cair.
Nos enclausuramos, fechamos as janelas e esperávamos. Quando foi que perdemos a alegria de sair na chuva querendo nos molhar?
Quando foi que perdemos a vontade de encontrar os cheiros da natureza, desta mística relação com os elementos sagrados da vida que existem em nós?
Escutar a natureza é escutar o Deus que existe dentro de cada um de nós.
Deus que nos fala pelo vento, pelas águas da chuva, pelo calor do sol ...
que se expressa na força com força, com ternura, com silêncio.
Respondemos ás 4 estações, às mudanças da Lua, aos ciclos da natureza porque somos  parte desta obra do criador.
Precisamos reaprender o ato de ouvir.
Ficar parados a espera do sinal, do som, do murmúrio divino que nos sopra a sabedoria dos iniciados. tantos que passaram pela vida, procurando ensinar, procurando mostrar que nesta estrada,a  da vida, existe muito mais do que nos olhos podem eprceber.
Ouvindo a natureza estaremos ouvindo ao que de mais belo existe em nós, nossa pureza divina.
Seremos, então, nosso melhor conselheiro.



Nenhum comentário:

Postar um comentário