quinta-feira, 16 de abril de 2015

A Paz Profunda!

Paz!
Uma palavra tão curta para significado tão infinito.
A Paz Profunda ultrapassa a nossa sensação de bem estar. A calma serena com nossos pequenos desejos e expectativas.
A Paz Profunda nos convida a transcender nossos limites, nossas fronteiras, visíveis e invisíveis. Conscientes e inconscientes. A Paz Profunda vem da percepção de que o Bem é nosso bem único.
O pão que desejamos ofertar diariamente a todos que anseiam por alimento.
Que tem necessidades de se nutrir espiritualmente de esperança, se luz e harmonia.
A Paz Profunda vem da consciência. Sentimento de que um outro deve habitar minhas preocupações, meus pensamentos, meus sentimentos e minha melhor emoção.
Quando desejar a Paz,
feche os olhos e sinta-se invadido por este desejo irreprimível de querer doar-se totalmente.
Que as dores, sejam estas, de amores ou desilusão.
Que os temores, de ódios sem razão.
Que os medos, da profunda escuridão.
Se desfragmentem em mil pedaços sem chances de novas colagens ou roupagens.
Que fique apenas o som,
da Paz Profunda,
da nossa união!

Namastê!

Nenhum comentário:

Postar um comentário